Turismo quando é bom, é aquele excelente para os locais

Por: Eduardo Mielke | Data: 30/08/2017 09:09:00

 

SABE AQUELA BÁSICA: "TURISMO QUANDO É BOM, É AQUELE QUE É EXCELENTE PARA OS LOCAIS?" ENTENDA PORQUE ESTA FRASE É MAIS, MUITO MAIS DO QUE IMPORTANTE COMO POLÍTICA DE TURISMO. A moça da foto já entendeu... Série Política de Turismo.
 
 
Política de Turismo é aquela que cujas as ações tático-operacionais resultam na geração de renda e de emprego para os locais. Ponto. É por este critério que começo, e meço o quanto uma Cidade está ou não bem "situada" dentro do que se espera que o Turismo faça por ela. E, principalmente, meço o quanto de espaço este entendimento ocupa a cabeça das cabeças de quem realmente decide sobre o que vai acontecer com a atividade na sua Cidade.
 
Nesta linha, quando vejo a sazonalidade atingir em cheio a regularidade da manutenção dos postos de trabalho, já fico preocupado. Quanto vejo um calendário anual de eventos  que eventualmente flerta com o perfil econômico da cidade, começo a passar mal. Mas, quando vejo que a única política de turismo que existente é a do "marketing"...que na realidade lê-se propaganda, daí passo muito mal, mas mal mesmo! Se você acha que a Secretaria de Turismo foi feita para fazer o folder&festinha mude já os seus conceitos! Se você que me lê for Secretário e pensa assim...(...).Bah...
Seguindo...
 
Política de Turismo é aquela que faz o próprio Cidadão ser o próprio "turista" dentro da sua Cidade (OBS: Ciente que estou contradizendo a definição do que é turista pela academia, por isso as aspas).
Em tempos de vacas magérrimas, pare de ficar brigando com a Prefeitura Sem-Recurso para que ela fique divulgando o seu município, sem saber para quem nem aonde. Mude o rumo da prosa, e diga para sua Associação, C&VB, Entidade, COMTUR, Maçonaria, Rotary, etc.. fazer pressão para que ela deixa sua Cidade um lugar mais agradável, mais limpa, bonita e segura.
 
É através desta sustentabilidade de pensamento é que muitas Monalisas sairão orgulhosas por aí, tirando e postando nas mídias sociais. O resultado é aquele efeito multiplicador que todos conhecem. E mais ainda, consiste de uma propaganda honesta, feita por gente expressa o sentimento de orgulho pela Cidade onde mora. É por intermédio deste boca-a-boca 0800 que o resultado aparece, que a sazonalidade é quebrada e mais negócios&oportunidades turísticos surgem.
Se quer saber como fazer o Turismo da sua Cidade andar, está aí a receita..Não me venha dizer que verba para isso não tem.
 
Veja, o segredo está em aproveitar o sentimento de pertencimento que os locais já tem. Ele está ali, só precisa buscar de volta. Mas, isso só é possível, se percebem o benefício do entorno. Trata-se de uma moeda de troca para que as pessoas passem a valorizar algo, que no caso são suas raízes, sotaque, costumes e modos de vida.
 
Na prática, faça do seu Cidadão o grande marketeiro. Quanto mais você acredita nisso, mais o título deste texto irá lhe fazer sentido. O resto é conversa fiada! Bem fiada, por sinal!!! Pense nisso.
 
 
Eduardo Mielke é Dr. em Turismo pela Universidade de Málaga (Esp) e escreve toda quinzena sobre Gestão e Política de Turismo no Município.

Deixe seu comentário

Comentários