Brasil tem dois aeroportos entre os dez melhores do mundo

Por: Redação | Data: 06/06/2019 10:26:00

Aeroportos de Campinas-SP e Curitiba entre os 10 melhores, de acordo com a AirHelp.

 

A AirHelp, maior organização internacional dos direitos de passageiros aéreos, divulgou dados sobre as melhores companhias e aeroportos do mundo.  Os Aeroportos brasileiros foram bem avaliados.  A análise mostra que o Brasil foi o país que mais teve aeroportos entre os Top 10 do mundo e entre os 50 melhores. Veja a posição no ranking:

 

Posição

Aeroporto

Pontuação

Aeroporto Internacional Afonso Pena – Curitiba (PR)

8.37

10º

Aeroporto Internacional Viracopos – Campinas (SP)

8.25

11º

Aeroporto Internacional de Recife (PE) 8.19

13º

Aeroporto Internacional de Brasília – Presidente Juscelino Kubitschek (DF)

8.14

15º

Aeroporto Internacional Tancredo Neves – Confins (BH)

8.12

17º

Aeroporto Santos Dumont – Rio de Janeiro (RJ)

8.07

19º

Aeroporto Internacional Pinto Martins – Fortaleza (CE)

8.03

21º

Aeroporto Internacional Salgado Filho – POA (RS)

8.00

25º

Aeroporto Internacional Rio-Galeão (RJ)

7.97

31º

Aeroporto de Congonhas – São Paulo (SP)

7.92

32º

Aeroporto Internacional Deputado Luís Eduardo Magalhães – Salvador (BA)

7.91

45º Aeroporto Internacional São Paulo – Guarulhos (SP)

7.76

 

Além dos destaques entre os Top 10, outros 10 aeroportos brasileiros aparecem no ranking entre os 50 melhores do mundo, como o Aeroporto Internacional de Recife (11º lugar), o Aeroporto Internacional de Brasília – Presidente Juscelino Kubitschek (13º), o Tancredo Neves – Confins (15º), o Santos Dumont (17º), no Rio de Janeiro, e o Aeroporto Internacional Pinto Martins (19º), em Fortaleza.

Agora, explorando um viés mais amplo, vamos analisar como ficou o ranking dos 10 melhores aeroportos e companhias aéreas do mundo.

 

10 melhores aeroportos do mundo

 

Posição

Aeroporto País

Pontuação

Aeroporto Internacional Hamad Catar

8.39

Aeroporto Internacional Tóquio Haneda Japão

8.39

Aeroporto Internacional de Atenas Grécia

8.38

Aeroporto Internacional Afonso Pena Brasil

8.37

Aeroporto Gdansk Lech Walesa Polônia

8.35

Aeroporto Internacional Sheremetyevo Moscou Rússia

8.35

Aeroporto Changi Singapore Singapura

8.27

Aeroporto Internacional Rajiv Gandhi Hyderabad Índia

8.27

Aeroporto Internacional Tenerife North Espanha

8.26

10º

Aeroporto Internacional de Viracopos/Campinas Brasil

8.25

 

 

10 melhores companhias aéreas do mundo

 

Posição

Companhia aérea País

SCORE

1º

Qatar Airways Catar

8.23

2º

American Airlines EUA

8.07

3º

Aeromexico México

8.07

4º

SAS Scandinavian Airlines Suécia

8.07

5º

Qantas Austrália

8.04

6º

LATAM Airlines Chile

8.01

7º

WestJet Canadá

7.96

8º

Luxair Luxemburgo

7.91

9º

Austrian Airlines Áustria

7.90

10º

Emirates Emirados Árabes

7.81

 

O ranking avaliou as 72 principais companhias do mundo com base em três critérios: a pontualidade dos voos segundo a base de dados da AirHelp, que avalia o horário de partida e chegada dos voos de todas as companhias aéreas; a qualidade do serviço das companhias aéreas segundo avaliação de passageiros; e o processamento de reclamações com base na eficiência para o atendimento a pedidos de indenização de clientes. Os três critérios têm o mesmo peso, cada um com 33,33% da pontuação final.

A companhia aérea mais bem cotada no ranking foi a Qatar Airways, que também foi a vencedora em 2018. A empresa foi avaliada com pontuação 8,23, destacando-se devido à consistência no processamento de reclamações e à alta pontualidade. Com nota 8,07, a American Airlines ficou na segunda posição e a Aeromexico veio como terceira do ranking, com 8,07 de pontuação.

Ao todo, cerca de 40 mil usuários contribuíram com a pesquisa, que teve a participação de 2,5 mil brasileiros. A análise levou em conta informações de voos da base de dados da AirHelp e centenas de pesquisas com passageiros.

A AirHelp é a maior organização do mundo especializada em direitos de passageiros aéreos, ajudando viajantes a obterem compensação por atrasos ou cancelamentos de voos e por casos de recusa de embarque. A empresa também toma medidas legais e políticas para apoiar o crescimento e a aplicação dos direitos dos passageiros aéreos em todo o mundo.

Deixe seu comentário

Comentários