Dicas para arrumar a mala de viagem ideal

Por: Redação | Data: 22/05/2018 10:29:00

 

Viajar é maravilhoso, mas arrumar a mala nem sempre é uma tarefa tão prazerosa assim, principalmente para aqueles - que assim como eu -, tem uma dificuldade imensa em escolher o que levar, como organizar e em qual mala levar.
 
Você é desses? Aqui no Passaporte preparamos algumas dicas que vão te ajudar nessa hora decisiva. A personal organizer Claudia Moura, qualificada pela OZ! Organize Sua Vida e diretora da empresa Claudia Moura Personal Organizer, dá as dicas:
 
Na hora da escolha da mala
As melhores opções são as retangulares, que são, também, as mais comuns. O tamanho ideal vai depender do tempo que você vai ficar fora e do tamanho da família.
 
O que levar?
Como nem sempre é possível levar tudo que tem no guarda-roupa é preciso ser muito racional na hora de escolher o que levar. O que deve ser considerado: quanto tempo você vai ficar; o clima do local; a mudança de clima e os eventos (vai sair para jantar? dançar?)
A dica da personal organizer é pensar sempre em peças que podem ser usadas mais de uma vez e que combinam com várias coisas. Por exemplo: uma calça jeans pode ser usada umas três vezes, então, leve-a com três camisas. Desta forma você já tem três looks montados. Peças básicas e com cores neutras também ajudam a fazer a combinação.
 
Para o frio, a dica é levar um casaco pesado e quente, de cor neutra, como preto, marrom ou off white. Assim você pode variar apenas a roupa de baixo (camisas, blusas e calças). O mesmo pensamento vale para os sapatos: leve pares básicos, confortáveis, que combinem com a estação, assim você pode usá-los mais de uma vez e evita levar a sapateira inteira.
 
Hora de arrumar a mala
 
Chegou a hora de colocar tudo na mala: mãos à obra! Independentemente se a viagem for de avião ou carro, curta ou longa, as dicas são basicamente as mesmas.
 
As regras principais são: roupas que amassam menos devem ir na parte de baixo da mala, como jeans, sarja, lã. E roupas que amassam mais, além de ficarem por cima, devem ser dobradas o mínimo possível, para evitar que fiquem com muitas marcas.
Na sequência, detalhadamente como proceder arrumando a mala:
  1. Coloque primeiro as calças esticadas no fundo da mala com as pernas para fora. Depois de colocar tudo, dobre as pernas da calça por cima das outras roupas;
  2. Depois, coloque bermudas e shorts;
  3. Na sequência, coloque os vestidos, dobrados o mínimo possível e colocados esticados, com parte da roupa para fora da mala (assim como foi feito com as calças);
  4. Camisetas devem ser dobradas como de costume e depois enroladas. Estas peças podem ser colocadas nos cantos e espaços vazios da mala
  5. Roupas íntimas devem ser colocadas em sacos (que podem ser aqueles de TNT), para facilitar na hora de encontrá-las.
  6. Os sapatos podem ser colocados em sacos individuais de TNT, sacos tipo Zip ou até mesmo em toucas de banho descartáveis, com o intuito de proteger a sola do sapato. Eles podem ser acondicionados em compartimento separado na mala ou, se tiverem protegidos, colocados mesmo junto às roupas, de preferência nos cantos da mala. Se for necessário levar muitos sapatos ou sapatos de neve – que são grandes e pesados -, o ideal é uma mala separada, para não amarrotar as roupas.
  7. Os produtos de higiene pessoal, cosméticos, remédios e maquiagem devem ser colocados em uma frasqueira. “Mas, se não quiser ou não tiver uma frasqueira, a dica é acondicionar estes produtos em saquinhos separados por tipos e distribuir nos espaços vazios. Produtos líquidos que podem vazar na mala devem ser colocados em sacos plásticos.
  8. Deixe o pijama e as roupas íntimas fáceis de pegar, assim você não precisa desfazer a mala toda depois de uma viagem longa.
  9. Se possível, leve alguns (poucos) cabides de lavanderia. As peças que amassaram um pouco você pode colocar neste cabide e deixar no banheiro. Assim, o vapor do chuveiro ajuda a desamassar
  10. Por fim, não se esqueça de levar, no fundo da mala, um saco grande para trazer as roupas sujas separadas das roupas limpas.

Deixe seu comentário

Comentários