Falta de espaço para carros de aplicativo no aeroporto gera discussão em Florianópolis

Por: Redação | Data: 03/10/2019 14:48:00

Profissionais querem mais tempo para embarque e desembarque e possibilidade de pararem nas imediações do novo terminal.

Motoristas de aplicativo reclamam um espaço para esperar passageiros junto ao novo Aeroporto Internacional de Florianópolis. O clima de insatisfação aumentou na terça-feira (1), quando a Polícia Militar Rodoviária (PMRv) abordou veículos que estavam parados no acostamento da via que leva ao terminal, o que é uma infração de trânsito.

Na quarta-feira (2), o problema foi apenas transferido para o estacionamento em um terreno próximo ao aeroporto. Segundo Luciano da Silva, motorista de aplicativo e membro de um grupo de profissionais que se concentra em terminais aeroportuários, essa prática garante que os motoristas entrem numa "fila virtual" para atender os chamados dos passageiros. 

A Polícia Militar Rodoviária confirmou a abordagem dos motoristas de aplicativo parados sobre o acostamento do acesso ao novo aeroporto. Segundo o comandante da corporação, coronel Evaldo Hoffmann, foi necessário garantir a segurança do trânsito e dos próprios motoristas. O comandante disse compreender a necessidade do trabalho feito pelos motoristas de aplicativos, no entanto, pontua a questão da segurança no local.

A Floripa Airport manifestou-se por nota à imprensa. Confira:

Nota à imprensa

Com relação aos aplicativos de transporte, a Floripa Airport informa que no terminal antigo, alguns deles possuíam contrato com a concessionária, o que garantia uma área específica e sinalizada de embarque e desembarque de passageiros e vagas dentro do estacionamento para os motoristas. Para a operação no novo terminal, a Floripa Airport vem procurando conversar com as empresas de aplicativos de transporte, que tem se negado a negociar um novo contrato para esta operação.

Vale ressaltar que todas as empresas que têm operação comercial no aeroporto têm contrato com a Floripa Airport. O contrato garante aos passageiros um nível de serviço compatível com o padrão de qualidade inerente à concessionária do aeroporto. Essa é uma prática que se aplica para as empresas de aplicativo de transporte e segue uma linha usada em aeroportos no Brasil e no mundo. A concessionária está atenta a tratar todos os parceiros de forma isonômica e, nesse sentido, as cooperativas de taxis também possuem contrato com a concessionária.

Neste momento, a Floripa Airport considera a operação dos aplicativos de transporte ilegítima, pois não existe uma relação contratual com o aeroporto. De qualquer forma, levando em consideração o conforto dos nossos passageiros, todos os aplicativos têm permissão da Floripa Airport para acessar, por enquanto, a área de embarque e desembarque até que se estabeleça uma relação comercial. Como os demais motoristas, são 10 minutos à disposição para embarque e desembarque de passageiros no meio-fio. Assim, esclarecemos que não é verdade que a concessionária do aeroporto está bloqueando o acesso dos carros de aplicativos de transporte ao aeroporto.

Deixe seu comentário

Comentários